Domingo, 25 de Outubro de 2020
14981559897
Geral FISCALIZAÇÃO

Vigilância Sanitária intensifica fiscalização e orientação em estabelecimentos em Garça

As visitas serão realizadas em 15 etapas, sendo três vezes por semana fora do horário de expediente do departamento.

02/10/2020 17h05 Atualizada há 3 semanas
42
Por: Da Redação Fonte: SECOM
Vigilância Sanitária intensifica fiscalização e orientação em estabelecimentos em Garça

A fim de conter o avanço da epidemia pelo novo coronavírus no estado de São Paulo e diminuir os riscos da Covid-19 entre as pessoas, o Centro de Vigilância Sanitária está coordenando uma Ação Integrada em todo o estado, para orientação da população e dos responsáveis pelos estabelecimentos sobre a doença e como prevenir sua transmissão.

Para a operacionalização dessa Ação Integrada, o Centro de Vigilância Sanitária convocou equipes municipais de Vigilância Sanitária para atuar nos municípios com orientações e fiscalizações, extra horário normal de trabalho dessas equipes para que possa ser mantida as ações já realizadas rotineiramente, relacionadas ao uso obrigatório de máscaras de proteção respiratória, distanciamento social, higienização de mãos e de superfícies com uso de álcool 70%, entre outras medidas. 

A Vigilância Sanitária de Garça elaborou um Projeto de Fiscalização, visando a implementação dessas medidas de prevenção e de controle da doença no município, considerando a população e o número de estabelecimentos. Essas ações integradas já foram iniciadas. 

As visitas serão realizadas em 15 etapas, sendo três vezes por semana, como já mencionado, fora do horário de expediente do departamento. 

Objetivos

Orientar a população em geral e os responsáveis por todos os estabelecimentos localizados no município, sobrea Covid-19 e como prevenir sua transmissão. 

Inspecionar os estabelecimentos e espaços públicos verificando e orientando sobre:

  • Uso obrigatório de máscara de proteção facial;
  • Distanciamento social / aglomeração;
  • Uso de álcool gel 70% e ou disponibilidade de água, sabão líquido e papel toalha para higienização das mãos;
  • Existência de avisos padronizados de Uso Obrigatório de Máscaras;
  • Higienização das superfícies, entre outros.