Domingo, 25 de Outubro de 2020
14981559897
Geral FATALIDADE

Motociclista é atropelado e vai pra UTI em estado gravíssimo. Motorista fugiu.

Lucas Cassiano de Oliveira, 30 anos, foi atingido violentamente e arrastado vários metros por um veículo desconhecido.

24/09/2020 21h20 Atualizada há 4 semanas
8.061
Por: Francisco Alves Neto Fonte: Da redação
Local já foi palco de inúmeros acidente. (Foto ilustrativa)
Local já foi palco de inúmeros acidente. (Foto ilustrativa)

Mal a cidade assimilou a morte do adolescente Luiz Guilherme Pereira dos Santos, de 15 anos, a comunidade se vê diante de mais um fato tráfico, desta vez envolvendo um motociclista que se feriu gravemente num acidente ocorrido no início da noite desta quinta-feira na rua Carlos Ferrari, altura da Escola SESI.

Lucas Cassiano de Oliveira, 30 anos, foi atingido violentamente e arrastado vários metros por um veículo desconhecido. Após o choque, o motorista covardemente fugiu do local negando socorro à vítima. Com lesões e traumas graves, o rapaz foi conduzido pela Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde foi constatado traumatismo crânio encefálico. Diante da situação considerada gravíssima, Lucas foi imediatamente transferido para Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Marília.

O acidente ocorreu por volta das 18h30. De acordo com informações apuradas pelo Garça em Foco, o motociclista, que segundo consta é funcionário da PPA, retornava do trabalho pela rua Carlos Ferrari quando no cruzamento com a rua Eduardo Rodrigues de Barros, mais precisamente no semáforo da escola SESI, foi atingido pelo veículo.

Ainda não foi possível apurar sob que circunstâncias ocorreu a forte colisão. Possivelmente um dos condutores não obedeceu a sinal de parada. O fato é que a moto foi atingida e arrastada vários metros pelo carro, resultando nas lesões gravíssimas sofridas pelo motociclista. O motorista fugiu do local após o fato e está sendo procurado pela Polícia Militar. A reportagem não conseguiu apurar o atual estado de saúde da vítima, mas as informações preliminares dão conta que a situação é extremamente grave.