Terça, 15 de Junho de 2021
14981559897
Polícia DROGAS

Tráfico internacional: Anac e PF investigam aeronaves em Vera Cruz

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e a Polícia Federal interditaram, em Vera Cruz, duas aeronaves que estariam sendo utilizadas em suposta associação ao contrabando de entorpecentes entre o Brasil e demais países próximos.

25/05/2021 13h21 Atualizada há 3 semanas
Por: Da Redação Fonte: Garça em Foco
Tráfico internacional: Anac e PF investigam aeronaves em Vera Cruz

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e a Polícia Federal (PF) interditaram nesta segunda-feira (24), na cidade de Vera Cruz (SP), duas aeronaves que estariam sendo utilizadas em suposta associação ao contrabando de entorpecentes entre o Brasil e demais países próximos. Durante a ação, batizada de Fuselo, em analogia ao pássaro de maior autonomia de voo no mundo, os agentes recolheram uma grande quantidade de peças aeronáuticas — hélices e partes de motor e estruturas de aeronaves— com sinais de adulteração.

A operação foi dividida em duas etapas, sendo a primeira na empresa de manutenção aeronáutica Triângulo, local onde as aeronaves foram encontradas. No período da tarde, os agentes da ANAC e da PF cumpriram mandado de busca e apreensão na casa do proprietário da oficina e dono de uma das aeronaves interditadas.

Ao final da operação foram constatadas irregularidades de manutenção de aeronave, como a falta de registro de reparos aeronáuticos, componentes sem rastreabilidade e o uso de partes de diferentes aeronaves para a reconstrução. Todo o material recolhido na ação ficará retido até que seja analisado e periciado por agentes da Polícia Federal.

A partir das provas obtidas na operação, a Agência irá instaurar um processo administrativo para apurar as responsabilidades dos envolvidos no caso. Se comprovadas as infrações, eles poderão responder administrativamente e poderão ser punidos com multa, suspensão de habilitação e até cassação do certificado da organização de manutenção. Por se tratar de possível ação criminal, o caso será encaminhado ao Ministério Público Federal.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.